Navegantes da Lua - Sailor Moon Portugal

Capítulo 1-Uma nova escuridão?

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Capítulo 1-Uma nova escuridão?

Mensagem por Joana Minako Lima Aino em Sab Nov 12, 2011 8:42 pm

O sol brilhava por toda a parte. Raios de sol brincavam com as folhas das árvores e as pessoas começavam a movimentar-se na imensa cidade de Tóquio. Gritos de crianças alegres a irem para a escola... Isso não é nada comparado com os gritos que vinham da casa Tsukino.



-AIIIII! MÃE PORQUE NÃO ME ACORDASTE! JÁ VOU CHEGAR TARDE!



Sim, é a Bunny Tsukino! Como sempre vai chegar tarde ás aulas...



- Ó BUNNY! NÃO TE ESQUEÇAS DE LEVAR O ALMOÇO!



Mas a rapariga baixota com os odangos no alto da cabeça, a esta altura está bem longe de casa para ouvir a sua mãe. Ela corre corre corre e corre pela ruas estreitas, é quase atropelada na passadeira, e quase que mata crianças que vão passeando pelo caminho.

Mas isso nem adianta. Quando chega á escola, já passara 40 minutos da hora suposta para o começo das aulas. A rapariga de cabelos dourados pára mesmo ao lado da porta da sala, encosta-se á parede e suspira. A esta altura nem vale a pena bater á porta... Sabia muito bem que já não entraria e a professora iria dar cabo dela se a visse. Ela decide ir para o buffé e comprar alguma comida.

"Raios esqueci-me do almoço!" pensa.



A campainha toca para o recreio, e Bunny dirige-se á cafetaria da escola para ver as suas amigas. Encontra-as lá sentadas numa mesa perto da janela.



- Ufa! Consegui escapar á professora antes que ela me visse no corredor! Estou estafada, quero ir embora! - disse, enquanto puxava de uma cadeira.



- Ó pois claro, é só tu levantares o dedo e já te cansas! É da gordura! - diz a rapariga de lindos cabelos negros e longos.



-Gordura? Qual gordura? Estou com um corpinho danone minha querida Rita! Será que noto uma certa dor de cotovelo aí??? - a cara de Bunny fica vermelha, numa expressão de tentar abafar os risos.



- EU? Inveja de ti?? Mas sua... - diz Rita e atira-se para cima de Bunny, que por sua vez deita a língua de fora, e contra-ataca Rita atirando-se para cima dela.



- Pronto, já estão elas outra vez... - suspira uma rapariga com um rabo de cavalo, e os seus ondulados cabelos castanhos mexem-se ao sabor dos movimentos da sua cabeça.



- Ora elas cansam-se depressa, vais ver Maria! - fala a rapariga loira com um enorme laço vermelho na cabeça, saboreando logo de seguida o seu café que se encontrava em cima da mesa.

Pouco depois, a bulha acalma-se e as duas "guerreiras" sentam-se nos lugares onde se encontravam anteriormente.



- Aaahhh, é tão bom estar assim, na cafetaria, com as pessoas que se gosta, apenas a desfrutar da vida... Quem me dera fazer isso mais vezes... - suspira Bunny.



- Ora pois é, além do mais, já há duas semanas que não temos nenhum inimigo, nem nada de estranho ou sobrenatural tem acontecido.. Espero que a paz venha para ficar desta vez!



- Pois isso também espero eu... - suspira Joana.



- É, assim temos mais tempo para estudar!



- AMI!? - exclama Rita com os olhos esbugalhados. - Pensas só em estudar???



- Ora... Precisamos de estudar... - a sua cara vai-se tornando cada vez mais vermelha, até ficar da cor que nem um tomate.



------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------



- Então, já encontraram o brilho que tanto procuramos?



- Não, minha rainha...



Uma silhueta faz-se visível na escuridão do lugar que se encontra.



- Sabes muito bem porque que precisamos desse brilho para poder envolver o universo na escuridão absoluta. Sem ele não poderemos fazer nada!



- Eu percebo , minha rainha... - responde a Sailor Iron Mouse .



- Continua a procurar! - ordena.



A silhueta desaparece num ápice. A criatura que lhes tinha falado. A sua armadura laranja reflete o pouco de luz que há naquele lugar. Os seus olhos vermelhos, brilham num brilho frio e morto. As suas unhas enormes cobertas de algo vermelho e pegajoso, mexem-se lentamente ao sabor do movimento das sua mãos. Esta encontra-se sentada num grande trono feito de algum tipo de ferro e ouro, e no meio das suas mãos encontra-se um tipo de espiral negra, que gira lentamente em torno de si mesma. A cimo da sua cabeça, se encontram quatro grandes losangos pendurados.

De repente, levanta-se e diz:



- Alguém se oferece a colecionar os melhores Talismãs possíveis que se encontram neste planeta?



Duas sombras materializam-se do nada.



- Minha rainha, eu, Sailor Vulcânia e Sailor Siren, ofereçemo-nos para realizar essa tarefa.



O brilho dos olhos da criatura sentada no trono fica ainda mais vívido.



- Muito bem! Tragam-me quantos Talismãs possíveis!



-Sim minha rainha... - dizem as duas raparigas , que desaparecem.



- Hahaa, com estes Talismãs, poderemos acordar o mal há tanto tempo adormecido, e que quando acordar, irá destruir tudo e engolir o universo na sua escuridão! - diz entre risos cavernosos. – Eu rainha Galáxia , irei fazer os possíveis e impossíveis para que isso aconteça!



------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------



O sol desce no horizonte, banhando tudo na sua luz alaranjada. Uma leve brisa congelante vinda do mar varre Tóquio, e prepara a cidade para o cair da noite. As escolas fecham, e as crianças correm alegres para casa.



- Aaah, é tão bom ir para casa depois de um dia estafante! Vou comer e depois logo cair na cama, isso é certo!



- Oh Bunny, só pensas em comer e dormir! - exclama Rita, fazendo uma cara de brincalhona.



- Ora, eu não tenho culpa de ter fome e sono! Tu estás é com ciúmes, ora não é Rita!?



- Eu??? Porquê que havia de ter ciúmes de uma estúpida, parva, idiota e choramingas como tu!



A cara de Bunny fica vermelha de raiva.



- EU??? Uma menina doce e gira como eu! Tu já vais ver sua... - e esta atira-se para cima de Rita.



- Pronto já sabia que não iriamos ter uma tarde sossegada, lá vêm estas duas estragar tudo...



- Ei! Meninas! Oiçam! - alerta Maria.



Rita e Bunny param imediatamente de discutir, e Joana forma a mão em concha em torno da sua orelha, tentando ouvir melhor. Ami põe-se imediatamente alerta, olhando para todos os lados, esperando ver de onde vem o som que ouve. Ao longe, ouvem-se gritos abafados. As raparigas começam a correr, orientadas pelos gritos. Quando chegam lá, deparam-se com várias pessoas fechadas num tipo de redemoinho qualquer. O redemoinho parece ser feito de uma substância negra e leve como gás.



- Oh não! O que é isto?



- Bunny, acho que é tempo de nos transformar!



- Sim!



- TRANSFORMAÇÃO DA LUA ETERNA!

- PELO O PODER DO CRISTAL DE MERCÚRIO!

- PELO O PODER DO CRISTAL DE MARTE!

- PELO O PODER DO CRISTAL DE JÚPITER!

- PELO O PODER DO CRISTAL DE VÉNUS!

- TRANSFORMAÇÃO! - gritam todas ao mesmo tempo.



Luzes de várias cores fazem-se aparecer, e desfazem-se, fazendo aparecer as navegantes.



-Ahahah, a rainha Galáxia vai ficar muito contente quando vir isto! - grita uma sombra que se encontra a sobrevoar o redemoinho - AGORA! RETIRAÇÃO DAS SOMBRAS!



Dentro do redemoinho, começam a aparecer raios negros que atingem as pessoas lá dentro. Uivos de dor ouvem-se por toda a parte. Brilhos de inúmeros cristais flutuam no ar.



- Pára!



- Uh? - a sombra vira-se.



- Como te atreves a... - mas Sailor Moon não consegue dizer nada pois é forçada a saltar quando um relâmpago negro cai sobre ela.



- CUIDADO! - múltiplos relâmpagos caem sobre as navegantes, que se dispersam rapidamente. Sailor Vénus observa enquanto os relâmpagos deixam buracos no chão onde acertam, engolindo em seco.



Sailor Marte aponta as suas mãos para a sombra.



- MARTE ! PONTA DE FOGO DE MARTE ! - uma seta de fogo voa em direção á sombra mas esta move-se rapidamente, escapando ao ataque.



- JÚPITER ! EVOLUÇÃO DO NÚCLEO DE JÚPITER ! - grita Sailor Júpiter, girando sobre si mesma e disparando bolas de núcleos. Mas a sombra é esperta, e mais uma vez,escapa ao ataque.



- Ora ora, as navegantes deste planeta pensam mesmo que me conseguem vencer...? Basta de brincadeiras, não tenho tempo para isto agora, mato-vos noutra altura! Adeus!



E a sombra esfuma-se juntamente com os cristais que brilhavam no ar.



- NÃO! - gritam todas.



- Não... - murmura Sailor Moon, e cai de joelhos...



Tudo o que resta é uma estrada destruída, e um monte de corpos...


Brevemente outra ;p joana lima-accção


VISITEM ESTE FÓRUM, É SOBRE TOKYO GHOUL E É PT/BR. É TAMBÉM UM SITE DE ROLEPLAY.

http://tokyoghoul.proboards.com/
Moderadora


avatar
Joana Minako Lima Aino
Susana Melo
Susana Melo

Moeda $ailor : 327
Data de inscrição : 22/09/2011
Idade : 18

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Capítulo 1-Uma nova escuridão?

Mensagem por Joana Lima em Dom Jul 15, 2012 1:27 pm

Continua por favor


avatar
Joana Lima
Administradora
Administradora

Moeda $ailor : 111
Data de inscrição : 25/05/2011
Idade : 19

http://navegantesdalua.ativo-forum.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Capítulo 1-Uma nova escuridão?

Mensagem por Joana Minako Lima Aino em Sab Dez 08, 2012 12:09 pm

Joana Lima escreveu:Continua por favor

Olá , bem já vi que gostas da fic Wink mas não sei quando pôr mais , fiquei sem imaginação desculpa , beijinho


VISITEM ESTE FÓRUM, É SOBRE TOKYO GHOUL E É PT/BR. É TAMBÉM UM SITE DE ROLEPLAY.

http://tokyoghoul.proboards.com/
Moderadora


avatar
Joana Minako Lima Aino
Susana Melo
Susana Melo

Moeda $ailor : 327
Data de inscrição : 22/09/2011
Idade : 18

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Capítulo 1-Uma nova escuridão?

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum